Ordo Rosarius Equilibrio




Ordo Rosarius Equilibro (A Ordem Das Rosas E Do Equilíbrio, em português) é o projeto musical do sueco Tomas Pettersson com parceria da Rose-Marie Larsen, estando inicialmente sob a alcunha de Ordo Equilibrio. Sua temática pode ser considerada um tanto polêmica, já que abordam temas tão contrapostos como religião e guerra com sexo e luxúria dentro de um mesmo contexto, muitas vezes, com um vasto uso da simbologia cristã e uma notável influência de autores como Aleister Crowley e William Blake, sendo que o próprio Tomas faz parte da Ordo Templi Orientis (OTO), uma organização religiosa criada no começo do século XX cujo o próprio Crowley já foi membro e a sua filosofia central se organiza em torno do Thelema.

Como já foi dito, as temáticas abordadas pelo ORE abordam vários temas relacionados a religião, guerra, amor e luxúria, e isso se reproduz muito bem na atmosfera de suas músicas. O vocal geralmente se apresenta sob a forma de um discurso, raramente cantado de fato, e a música em si utiliza vários instrumentos clássicos como piano, violoncelo e percurssão que se aliam às suas influências de Neofolk e Industrial, criando um amálgama de vários gêneros sonoros de origem remota com gêneros mais modernos, aparentemente imiscíveis, mas que sob a batuta do Tomas acaba soando extremamente natural e perfeitamente inteligível, sempre criando uma ambiência obscura e luxuriosa em cada música, me fazendo lembrar um quadro romântico pintado com traços de arte vanguardista e, assim, dando um contexto totalmente novo a ela mas sem perder sua identidade original.

Confesso que demorei um pouco a me habituar com a idéia e a proposta sonora da banda, e essa miscelânea de gêneros me assustou um pouco no começo, mas hoje consigo apreciar plenamente a obra artística que o ORE é capaz de criar. Não importa como você tenta definir, e rotular seja como Apocalyptic Folk, Martial Industrial, Ambient, Fuck Music, ou qualquer outro nome, posso dizer que o ORE é tudo isso e muito mais. Posto aqui o novo álbum que está para sair oficialmente em alguns dias, e espero sinceramente que apreciem. ;]


[last.fm]
| [myspace]





[2009] O N A N I (Practice Makes Perfect)

01 - Glory To Thee, My Beloved Masturbator
02 - (Remember) What You Sow Is What You Reap
03 - Can You Hear The Demons Laughing (Or Is It Just Me)
04 - The Love and Defiance Of being Alive
05 - Let Me Show All The Secrets Of The Torture Garden
06 - Too Late For Innocence, Too Late For Regret (Two Hands Are Better Than Two)
07 - Forgive Me, I Am Not Satan; I Am Mary Just Like You
08 - C U M, And Let Me Lrad You Far Astray
09 - Amore Rosso, Amore Marrone, Amore Nero (Il Waltzer Del lupo Manaro)
10 - I W I L L; Even After The Flowers Are Gone
11 - Confessions Of Sinflower


[english review]



[purchase]


[download]

3 comentários:

Echoes disse...

Hah... tem uma coisa curiosa sobre essa banda. Antes do lançamento desse cd, eles pediram aos fãs que enviassem fotos de si mesmos se masturbando pra fazer parte da artwork do álbum. Eu só não sei se isso deu certo hahaha

Annie disse...

ORE <3
ainda prefiro o Apocalips mas esse novo não é ruim nao!
:)

d. disse...

excelente gosto musical!
grande post!
eu adoro o make love and war...
agora vou checkar este novo.
obrigado.