Steve Von Till













Steve Von Till é vocalista, guitarrista e talvez o homem forte do Neurosis, provavelmente a banda mais citada nesse blog, porém, poucos sabem da existência de seus trabalhos solos ou mesmo outros projetos, portanto é meu dever trazer aqui os três albuns que ele lançou sob sua própria assinatura, diferente do Harvestman, seu outro projeto que confesso ainda não ter ouvido com a merecida atenção.

De forma geral os álbuns seguem um padrão, com canções de estrutura semelhante tendo em seu núcleo forte o som do violão e a grave e rouca voz de Von Till, ora acompanhados de sintetizadores, ora de cellos, órgãos e violinos, dando apenas o tom de forma discreta em algumas músicas. De forma geral podemos enquadrá-los sob as asas do folk, traçando paralelos com obras como as de Nick Drake, com um aspecto visivelmente mais sombrio e próximo aos cantores de country, como não podia deixar de ser. Os cover escolhidos neste último registro atribuem nomes mais claros a essas influências, temos quatro canções que permeiam entre a linha do folk e do country, com direito ao já citado Nick Drake, com 'Clothes Of Sand', Townes Van Zandt, com a excelente 'The Spider Song', bem como, Lyle Lovett e Mickey Newberry, respectivamente com 'Promises' e 'Willow Tree'.

Não acredito que sejam registros que agradarão a todos, principalmente por se tratar de um nome consolidado no mundo do metal, as músicas seguem um caminho muitas vezes distante do que aquilo que é apresentado no Neurosis e podem soar monotonas aos mais desavisados. Em linhas gerais, o pessoal do Amplificasom conseguiu em menor espaço dar valiosa pista do que vocês encontrarão nestes registros:

"Steve dispensa apresentações, é um dos nossos pais musicais desde que começamos a ouvir música a sério. Nunca desilude. Impulsionado pelos tons da sua guitarra, a sua vontade de desabafar e a sua voz cheia de alma, Von Till regressa ao seu mundo sombrio, mais folk e acústico do que os seus Neurosis, mas igualmente pesado. Aliás, apesar da sua natureza acústica pode ser doloroso ouvir um álbum destes: o vozeirão (não vos lembra Mark Lanegan?) de Steve num formato tão nu e cru a recitar as suas letras feridas é como um murro no estômago. Um murro profundo… Está longe de ser um substituto para os Neurosis mas mais longe está de ser uma nota de roda pé. Tirando o facto de o considerar um pouco longo para o ouvir todo de uma vez, o álbum é perfeito. É um álbum cheio de vida, perto da morte."
- André [Amplificasom]


[last.fm] | [official site]















[2008] A Grave Is A Grim Horse

01 - A Grave Is A Grim Horse
02 - Clothes Of Sand
03 - The Acre
04 - Willow Tree
05 - Valley Of The Moon
06 - The Spider Song
07 - Looking For Dry Land
08 - Western Son
09 - Brigit's Cross
10 - Promises
11 - # Gravity

[review in english]


[purchase]


[download]





[2002] If I Should Fall To The Field

01 - Breathe
02 - To The Field
03 - My Work Is Done
04 - Hallowed Ground
05 - This River
06 - Running Dry
07 - The Wild Hunt
08 - Am I Born To Die
09 - Dawn
10 - The Harpy

[review in english]


[purchase]


[download]
//link updated!















[2000] As The Crow Flies

1 - Stained Glass
2 - We All Fall
3 - Remember
4 - Warning Of A Storm
5 - Twice Born
6 - Midheaven
7 - Shadows To Stone

[review in english]


[purchase]


[download]

Um comentário:

.borges disse...

Isso é lindo. Postem os álbuns do Scott Kelly também :)